Editorial | A Revitalização da Igreja Local – Por Rubens Muzio

Editorial | A Revitalização da Igreja Local – Por Rubens Muzio

Apresento esta edição da práxis missional sobre “A revitalização da igreja local” em comemoração ao lançamento da REDE, um instituto da FTSA focado na revitalização e desenvolvimento de pessoas e comunidades saudáveis. Com isso, a FTSA deseja se construir pontes de aproximação entre a academia, formação espiritual e prática ministerial. A REDE procurará ajudar líderes, pastores ou membros de igrejas cristãs na revitalização e renovação de sua equipe bem como no desenvolvimento de ferramentas missionais e ministeriais.

O instituto está principalmente preocupado com as rápidas mudanças socioculturais, o envelhecimento dos modelos eclesiais de governança, a superficialidade e estagnação das comunidades religiosas, a ausência de ministérios transformacionais, bem como a dificuldade de mais de 90% das igrejas Latino-americanas de ultrapassarem a barreira dos 150-200 membros.

Respondendo esses desafios, a REDE está estruturada sobre 4 eixos centrais de atuação:

1. REVITALIZAR: a revitalização de igrejas e renovação de líderes

2. DESENVOLVER: o desenvolvimento de práticas missionais e ferramentas ministeriais com vistas a plantação e crescimento integral

3. DIAGNOSTICAR: a produção de pesquisas sociais e ferramentas de medição e monitoramento da qualidade e saúde para a igreja local

4. FORMAR: a capacitação teológico, mentoreamento e cuidado pastoral

O enfoque desta edição, em particular, é tratar do tema da revitalização de igrejas locais. E para isso temos conosco um grupo variado de interlocutores: o missionário Ronaldo Lidório, o coordenador do Lausanne nos EUA Joshua Laxton, o professor de teologia Rubens Muzio e o pastor Sidney Costa. Eles tratarão do tema com abordagem que refletem sua própria jornada ministerial e teológica.

O missionário Ronaldo Lidório descreve o processo da revitalização de igrejas a partir de Apocalipse 2, refletindo sobre os cenários de adoecimento espiritual bem como propostas bíblicas de abordagem e cura. Para ele, a revitalização acontece a partir da oração, do ensino e do pastoreio.

Joshua Laxton alerta para a trágica realidade do número de igrejas no Ocidente que experimentam a estagnação e o declínio, bem como do pouco impacto que causam à comunidade local. Para Laxton, há várias maneiras com as quais os próprios líderes da igreja podem arruinar o processo de revitalização.

Rubens Muzio aborda quatro grandes desafios que a igreja local enfrenta atualmente: os modelos de igreja rural e urbano, a realidade das igrejas intergeracionais, o sistema pastoral tradicional e as limitações da cultura eclesiástica organizacional. As respostas que ele sugere focarão na missão, na visão, nas estratégias e na espiritualidade da comunidade.

Sidney Costa testemunha da sua crescente e inovadora igreja Batista de Alphaville, bem como do projeto “Igrejas 21” que apoia 72 pastores envolvidos em 72 novas plantações ou revitalizações de igrejas de várias denominações.

Uma boa leitura a todos!

Rubens Muzio

Editor convidado

Sobre o autor
Rubens Muzio é doutor em teologia pastoral, coordenador de REDE – Instituto de Revitalização e Desenvolvimento de Igrejas, professor da FTSA e missionário da Sepal.
Contato com o autor: rubens@ftsa.edu.br.

 

 

No Comments

Post A Comment